POR UM PORTUGAL DIFERENTE

POR UM PORTUGAL DIFERENTE
ABRIL VIRÁ...!!!

EXPERIMENTE... VÁ ATÉ LÁ!

MUDAR...

Estrela - DestaquesNinguém pode ser escravo de sua identidade; quando surge uma possibilidade de mudança é preciso mudar. (Elliot Gould)

Frases e Mensagens -

NÃO HÁ ACORDO...!!!...

NÃO HÁ ACORDO...!!!...
... Português há só UM...!!!

TRADUÇÃO/TRANSLATE/TRADUCION

SEM IMITAÇÕES...

ACREDITE...

"Nunca faça graça de graça. Você é humorista, não político."

A Hora em Poá (BRASIL)

"Nada descreve melhor o caráter dos homens do que aquilo que eles acham ridículo."

VELHO PROVÉRBIO PORTUGUÊS

"Dois olhos vêem mais do que um só."
Veja Frases para Orkut - Kifrases.com

LOVE, love, LoVe

OvEr ThE RaInBoW

1lindoMENINO ...

Verdade, Verdadinha...!!!

zwani.com myspace graphic comments

1lindomenino

Menininhas e inhos venham a mim...

Posting

Photo Flipbook Slideshow Maker
PORTUGAL é "isto"... e MUITO MAIS...!!!

António GEDEÃO


Eu, quando choro, não choro eu. Chora aquilo que nos homens em todo o tempo sofreu. As lágrimas são as minhas mas o choro não é meu.A.GEDEÃO

SEJA ASSIM... COMO EU!

recadosparablogseorkut.com


Mais Um(a)...!!! OBRIGADO...!!!

sexta-feira, 4 de setembro de 2009

Adeus, tristeza

Especialista alerta para risco de depressão e diz como superar o problema



Os números assustam. De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), a depressão atinge cerca de 120 milhões de pessoas no mundo inteiro. E não para por aí, ainda de acordo com a OMS, até o ano de 2020, a doença será a segunda causa de mortalidade em todas as faixas etárias. Entre os mais velhos, o grande vilão é o medo. Medo da morte, de não poder realizar alguns sonhos que ainda não se concretizaram. A falta de amor e afeto por parte da família também contribuem para agravar a doença nesta fase.

Além de causar danos psicológicos, a depressão pode levar à morte. Segundo a psicoterapeuta existencial e professora de psicologia da PUC - Rio, Tereza Cristina Erthal, estar alerta aos sintomas é imprescindível. “Dores no peito, angustia, desânimo, falta de apetite, falta de aprumo com o corpo, atitude negativa com tudo e com todos, baixa autoestima, transtorno de contato - dificuldade de estabelecer relacionamentos apropriados - são os principais sinais de alerta”, destaca ela.

Existem dois tipos de depressão. “É necessário diferenciar depressão endógena de exógena. A primeira tem uma base genética, familiar; a segunda é reativa a uma situação específica, que pode ser temporária. Todo o problema que encontro em meu consultório esta associado à autoimagem: se a estima é baixa, mais favorece a sintomas como os que citei anteriormente”, explica Tereza.

Ainda de acordo com a psicoterapeuta, a depressão gerada por fatores externos pode ser tratada através do uso de medicamentos. "Sempre com o acompanhamento de um profissional capacitado", pondera. Mas existem existem pequenas mudanças que, se incorporadas ao dia-a-dia, podem deixar o baixo astral bem longe, garante Tereza Cristina Erthal.

Pratique exercícios físicos
Pesquisas indicam que a depressão pode ser reduzida com a prática diária de atividades físicas, pois os movimentos aumentam os níveis de endorfina. "Vale dançar, fazer ginástica, enfim, fazer com que a pessoa depressiva se entretenha", afirma.

Tenha um hobby
Procure realizar atividades que ocupem o tempo e proporcionem prazer.

Seja sociável
Estar em boa companhia é sempre bom. Busque estar em contato com pessoas queridas, amigos e familiares.

Peça ajuda
Se você sofre de depressão, procure uma pessoa capacitada para tratar a doença. E, caso seja necessário, o profissional vai indicar o melhor tratamento.

Previna-se
Através da psicoterapia, podemos impedir que a doença apareça. Os resultados demonstram que é possível melhorar a autoestima e ajudar o doente a entender os sinais da doença.



Por Maria Fernanda Schardong


Recebido via e-mail do Site: http://maisde50.uol.com.br/

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aquí o seu comentário