POR UM PORTUGAL DIFERENTE

POR UM PORTUGAL DIFERENTE
ABRIL VIRÁ...!!!

EXPERIMENTE... VÁ ATÉ LÁ!

MUDAR...

Estrela - DestaquesNinguém pode ser escravo de sua identidade; quando surge uma possibilidade de mudança é preciso mudar. (Elliot Gould)

Frases e Mensagens -

NÃO HÁ ACORDO...!!!...

NÃO HÁ ACORDO...!!!...
... Português há só UM...!!!

TRADUÇÃO/TRANSLATE/TRADUCION

SEM IMITAÇÕES...

ACREDITE...

"Nunca faça graça de graça. Você é humorista, não político."

A Hora em Poá (BRASIL)

"Nada descreve melhor o caráter dos homens do que aquilo que eles acham ridículo."

VELHO PROVÉRBIO PORTUGUÊS

"Dois olhos vêem mais do que um só."
Veja Frases para Orkut - Kifrases.com

LOVE, love, LoVe

OvEr ThE RaInBoW

1lindoMENINO ...

Verdade, Verdadinha...!!!

zwani.com myspace graphic comments

1lindomenino

Menininhas e inhos venham a mim...

Posting

Photo Flipbook Slideshow Maker
PORTUGAL é "isto"... e MUITO MAIS...!!!

António GEDEÃO


Eu, quando choro, não choro eu. Chora aquilo que nos homens em todo o tempo sofreu. As lágrimas são as minhas mas o choro não é meu.A.GEDEÃO

SEJA ASSIM... COMO EU!

recadosparablogseorkut.com


Mais Um(a)...!!! OBRIGADO...!!!

sábado, 2 de janeiro de 2010

De um Português no Brasil para o Patrão dos Patrões, Van Zeller, em Portugal



O ainda presidente da Confederação Industrial Portuguesa (CIP), Francisco Van Zeller, que foi contra o aumento do salário mínimo nacional (SMN) dos actuais 450 euros para 475 em 2010, admite que não consegue imaginar-se a viver com apenas 450 euros por mês.


Na sua última entrevista como presidente da CIP, Francisco Van Zeller explica ao «Diário Económico» por que foi contra o aumento do salário mínimo: diz que enquanto não existirem condições de produtividade será impossível aumentá-lo.

Defende que este deve ser um projecto nacional, num Portugal que precisa de uma mentalidade internacional, de empreendedores e de elites que puxem pelo país.

Aos 71 anos, Van Zeller prepara-se para deixar a presidência da confederação dos patrões, lamentando a falta de capacidade para influenciar as decisões que podem mudar Portugal.

In site:
http://www.tvi24.iol.pt/economia/portugal-europa-salario-minimo-smn-cip-van-zeller/1113273-1730.html


Senhor Van Zeller:
Eu entendo, palavra que entendo, a sua “pouca imaginação” para conseguir viver (?) com 450 Euros por mês. Já os trabalhadores Portugueses conseguem, apesar de não serem tão “estudados” como o senhor, IMAGINAR E VIVER COM ISSO.
Falta produtividade e mentalidade internacional aos trabalhadores, empreendedores (pelos vistos TAMBÉM lhe falta a si...) e elites (aí está o senhor “de novo”...) para “puxar” o País.
Mesmo não imaginando o que é viver com 450 Euros em Portugal, o senhor quando foi para votar o aumento do salário mínimo em 25 Euros, apenas tinha “disponibilidade” para DAR (?) 10...!!! Curioso...!!!
Os Portugueses quando trabalham no Estrangeiro são apreciados e recompensados pela sua qualidade de trabalho, pela sua assiduidade e, também, pela enorme cooperação. Em Portugal, com pessoas como o senhor a “comandarem” as indústrias, eles são apenas “uns mal-agradecidos”, uns “calões” e que “nem merecem a água que bebem”... não é...?!...
Senhor Van Zeller: deixe LOGO a presidência da confederação dos patrões e leve consigo TODOS aqueles (...e são MUITOS e, normalmente, SEMPRE os mesmos...) que NÃO SABEM FAZER MELHOR.

O País e os Trabalhadores Portugueses agradecerão.

Nota: espero que o festa de Ano Novo tenha corrido bem a V.Exª. e que não tenha gasto muito. Mais que 450 Euros EU TENHO A CERTEZA que gastou até porque o senhor não sabe "viver com isso"...!!!

Um Português
e que é 1lindomenino:
o Rui

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aquí o seu comentário